10 coisas estranhas de recém nascidos

 

bebê é uma coisa linda, fofa, cuti cuti da mamãe e não há nada que mude isso. mas se você olhar assim, bem olhadinho, vai perceber que coisas muito estranhas acontecem no mundo dos recém nascidos:

1) moleira – é sabido que recém nascidos têm um afundadinho na cabeça e que ninguém deve mexer. mas aqui em casa a gente tinha tanto medo da moleira que preferia ignorar a existência dela. até que um dia, quando benjamin era pequeno e muito carequinha, hilan chega pra mim, agitado: “prinz! prinz! o que é isso pulsando na cabeça do nosso filho??” e vamos ver uma parte no topo do cocoruto subindo e descendo bem rapidinho. até google rolou pra ver se nosso filho estava normal, mas descobrimos que era apenas a moleira, esse pequeno ser com vida própria.

2) umbigo – quando você é adulto e tá lá, todo lindão se admirando no espelho, nunca para pra pensar que, antes de nascer, saía um tubo gosmento e azulado do meio da sua barriga. mas acontece um choque de realidade quando chega um recém nascido pra você com um toco seco no bucho e uma espécie de clipe acoplado a ele. por uma semana – às vezes duas – aquilo ali parece ser literalmente o centro da atenção do bebê. aquele pedaço morto de alguma coisa que nem sei do que chamar (órgão? pele? corpo humano? vai saber..) tem que ser cuidado, limpado, não pode ficar todo molhado e às vezes dá mais trabalho que o próprio recém nascido. depois de uma semana ou duas ele cai e os pais se alegram, ligam pra avó, postam no blog, fazem uma festa em comemoração a esse evento tão importante. pouco tempo depois você nem se lembra que ele sequer existiu.

3) pernas tortas – “nem tudo que é torto é errado. veja as pernas do garrincha e as árvores do cerrado”, já dizia nicolas behr, poeta de brasília. mas a gente bem que estranhou quando viu nosso pequenino com aquelas pernocas arqueadas, parecendo um cavaleiro de equitação. nosso coração só sossegou durante a consulta da pediatra: “é super normal! muitos bebês têm a perna assim! depois endireita”. garrincha já sabemos que você não será, meu filho.

4) mecônio – se você nunca cuidou de um bebê recém nascido, talvez não saiba que ele faz um cocô preto, preto, preto e grudento. já cheguei a me perguntar: “e bebê cagava piche e eu não sabia?”. esse é o pretinho básico dos cocôs dos recém nascidos.

5) rabo de esquilo – rabo de esquilo é uma anomalia que acontece em 99,9% dos bebês. se você nunca viu um, com certeza ainda verá. acontece de uma hora para a outra, geralmente quando eles estão limpinhos, cheirosinhos, confortáveis e… puf! o rabo cresce! ele começa lá pra baixo da base da coluna e sobe por todas as costas, chegando até a nuca. às vezes atinge o cabelo, vaza pelas laterais da fralda. uma verdadeira bomba de cocô. nessas horas não tem lencinho nem algodão que resolva. o jeito é ir direto pro banho.

6) cara de tartaruga – os recém nascidos nascem tão lindos nos filmes e novelas, né? gordinhos, espertos, alguns até aparecem sorrindo para as câmeras. aí chega o seu: meio magrinho, fininho, alguns com cabeça de cone. ele passa uns meses olhando vago para os lados, ora vesgo, ora estrábico, fica colocando a língua pra fora o tempo inteiro e revira os olhos quer esteja dormindo, quer esteja acordado, às vezes com direito a rugas na testa. eu olhava pros meus procurando a diferença entre eles e uma tartaruga, como quem brinca de jogo de sete erros. nunca consegui ganhar. mas logo os olhos se acertam, eles adquirem outra percepção de mundo e, aí sim, começam a sorrir e fazer gracinhas.

7) craca na cabeça – no começo é estranho ver aquela casca grudada na cabeça do bebê. parece uma escama de lagarto, pele de cobra, nem sei. aí você bota um óleo de neném, deixa de molho e depois massageia, passa um pente, vai soltando, soltando… o trem é viciante! dá vontade de fazer aquilo pra sempre, tipo estourar plástico bolha. aí quando acaba chega dá uma tristeza. traz mais um filho pra eu ver se tem craca na cabeça dele também, por favor!

8) icterícia – o bebê nasce lindo, túrgido, cheio de viço e vigor! aí os dias vão passando, ele parece dar uma murchada e muitos deles (aconteceu com os meus dois) acabam mudando de cor. gente, bebê amarelo é no mínimo algo estranho! benjamin chegou a ficar literalmente laranja por mais de um mês. quase cheguei a suspeitar que tinham trocado meu filho na maternidade.

9) faz barulho de bicho – já perdi a conta de quantas vezes eu ouvi um barulho estranho e corri pra acudir meu bebê, jurando que ele tinha acordado e estava em apuros. fui checar e lá estava ele, todo calmo e pacífico dormindo profundamente. ouço o barulho de novo: “será que tem outro bebê por aqui?”. ah, não, era só o gato do vizinho miando.

10) arrota, peida, caga e todo mundo comemora – essas coisas que, se adultos fizerem são vista com maus olhos, pros bebês não são apenas aceitáveis: tornam-se necessárias para que saibamos que tá tudo funcionando direitinho com eles.  queria tanto que fizessem essa festa quando fosse eu..

mas mesmo assim a gente continua achando tão gostoso, não?. só de lembrar dos barulhinhos e cheirinhos dos meus eu fico toda me coçando pra arrumar logo um terceiro!

Related Posts with Thumbnails

23 comments

  1. O médico disse que a icterícia, geralmente, dá quando o bebê tem o mesmo sangue que o pai. Meu filho teve. E adivinhe?! Tem o sangue do pai. Diz o médico que é meio que uma incompatibilidade… sei lá.

  2. Aiii…eu tenho 3 babies (12, 08 e 04 anos respectivamente)…e tô me coçando para um quarto barrigudinho. Amo ser mãe, amo estar grávida. Amo bebezinho recém-nascido…no momento me contento babando nos filhotinhos da minha gata…

  3. Nossa, quando falou do mecônio me identifiquei kkkkkkkkk… cuidei da minha priminha no seu primeiro dia na maternidade e o mais perto que tinha ficado de um recém nascido era em foto… eu fiquei mto assustada, pois nunca tinha ouvido nem falar disso, tampouco da icterícia… vc só esqueceu de falar das vezes que se acorda para ver se está respirando… eu fiz isso com ela, fiquei igual mãezinha de primeira viagem…. ano que vem estou programando meu primeiro, mas agora já estou menos despreparada kkkkkkkkkk

  4. Kkk adorei o post!
    Meu bebê com 10 dias ta dormindo aqui do meu lado. E tudooo isso eh muito engraçado kk
    Adorei ele só não tem a craca na cabeça mas a pele está mudando. . Kkkk

  5. Meu Deus, nunca li um texto tão divertido e realista como os seus. Estou chorando de rir aqui. Parabéns pelo blog e pela capacidade de mostrar a verdadeira realidade de ser mãe… abraços.

  6. Minha bebê tem 3 dias de vida e resolvi ler esse artigo é quase estou abrindo os pontos da cesaria de tanto que estou rindo! Kkkkkkk sensacional! Parabéns pelo texto divertidíssimo!

  7. Kkkkkkkkk…. estou chorando de rir,me identifiquei muito e agora q estou esperando meu segundo bebe foi mto bom ler algo assim para descontrair, diferente de tntos outros sites que dizem sempre as mesmas coisas sobre tdos temas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *