toalha xadrez = piquenique

sempre quando via cenas de piquenique nos filmes ou nos desenhos animados, além da comida e da locação campestre, lá estava ela, sempre presente: a toalha xadrez.

por muito tempo participei de piqueniques que eu não os considerava como tais só por que não havia a bendita toalha. ahh… e também aquela cestinha de vime. na minha cabeça, se não tem essas duas coisas, não passa de um lanchinho ao ar livre. acho que eu vi muito desenho do zé cólmeia, sei lá.

até o dia em que conheci a luíza. e descobri alguém que leva as regras do piquenique ao extremo. sim, ela tem uma tolha xadrez e sim, ela tem a cestinha de vime idêntica à dos desenhos! lembro, na primeira vez que fizemos um piquenique, o tanto que fiquei feliz quando vi aquela cestinha. parecia mesmo que a qualquer momento uma dupla de ursos falantes viria roubar nossa comida.

então já viu, né? quando o desafio royal dessa semana nos prôs fazer um piquenique, já sabíamos o que fazer.
visto que o aniversário do benjoca estava próximo, resolvemos unir o útil ao agradável e transformar isso numa micro-festinha para dez pessoas – crionças incluídas.

fomos ao mercado e nos abastecemos com o necessário.
na hora de preparar as coisas, contamos com a ajuda dos próprios convidados.

espetinho de frutas, sanduichinhos doces e salgados, sucos naturais e um bolinho esperto sem glúten e sem lactose para, na hora do parabéns, nosso quase-aniversariante poder deliciar-se com todo mundo.

para o local, escolhemos o parque da cidade, um local super tradicional de brasília.
um lugar com mesas e churasqueiras, bastante amplo, com muito verde e tranquilo à beça para curtir com a família.
vamos comer!

*este texto faz parte do desafio “100 Coisas para fazer com seus filhos antes que eles cresçam”, proposto pela Royal, do qual eu estou participando às sextas-feiras ao longo de 20 semanas. Também estão participando os blogs @avidaquer @blogcoisademae  @dica_de_mae @rolippi e @cozinhapequena e a fanpage da Gelatina Royal que nos convidou para brincar!


Related Posts with Thumbnails

9 comments

  1. Essa sempre foi a Luiza, uma cenógrafa inata!

    Quando ainda era muito pequena (não lembro a idade) ela fez um desenho incrível de um formigueiro usando um editor precário do windows. Como queria fazer coisas minúsculas ela descobriu como fazer sozinha e desenhou pixel a pixel …

    No formigueiro tinha uma casa completa e, em se tratando da Lulu, no banheiro não podia faltar algo sempre presente nos desenhos e histórias em quadrinhos: uma banheira branca com pés e um chuveiro e, boiando nas águas da banheira, um indispensável patinho amarelo.

    Sodadocê …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *