14 de junho

4 anos de constança!

por luíza diener

“era uma vez, há muito tempo atrás, num reino muito muito distante, uma rainha e um rei, duas princesinhas e um principezinho”.

todo santo dia constança me pede para contar uma história da minha boca. e a história tem que começar exatamente desse jeito. nela, todos têm nomes de planta: a rainha rosa e o rei carvalho, a princesa mais velha, margarida, a princesa violeta e o príncipe alecrim, um bebezinho muito lindo. essa história é permeada por muitas aventuras e essa família é composta por um rei e rainha que governam com justiça e igualdade, que não vivem rodeados de serviçais ou delegam à rainha os cuidados com as crianças e o castelo enquanto o rei é soberano do alto de seu trono. as princesas aprendem a manusear escudos e espadas, se aventuram pela floresta encantada, cavalgam, brincam no rio e na neve, voam em dragões e resgatam bebês unicórnios perdidos.

ela já percebeu que essa história mostra várias facetas da sua vida e sua família, mas o que fica subentendido é que constança não é só margarida ou violeta. ela é a rainha, o rei, o bebê, o dragão, o unicórnio. ela é frágil e forte. justa e feroz. doce e encantadora. rara e comum. mágica e real. assustada e corajosa.

nesses quatro anos de vida de constança eu tenho aprendido muito mais do que eu poderia imaginar. tenho aprendido a ser mais mansa e sensível, a escolher e pensar melhor nas minhas palavras e atitudes. e ela tem se revelado uma criança incrível. uma menina com todo o potencial para se tornar uma mulher maravilhosa. quem não a conhece, pensa ter encontrado uma menina tímida e acanhada e pode ser que nunca veja o seu lado furioso e questionador, que não tolera injustiças e exige igualdade, que fala bobagens e às vezes ri de si e dos irmãos até perder o fôlego.

como toda criança (e adulto), sua personalidade não se resume a uma ou duas características, mas se tem uma coisa que me impressiona é a capacidade que ela tem de nos surpreender. quando menos se espera ela é tomada por um ímpeto de coragem, sai com uma tirada hilária, uma sacada genial. ela é tão doce, tão doce, mas de repente fica azeda, amarga, ardida!

como é gostoso estar com essa coisinha há quatro anos, vê-la crescer, se desenvolver, amadurecer e nos permitir dar e receber tanto amor, ternura e aventura.

que o eterno te abençoe hoje e sempre e que ele seja o centro da sua vida até o fim dos seus dias!

        

Related Posts with Thumbnails

categorias: 4 anos, amor, constança, criança, marcos importantes

assine nosso feed ou receba por email


4 Comments »

  1. Desejo muita saúde e sabedoria. Muito sapequinha esta Sansa, aproveitando bem a infância. Me diz uma coisa Luíza, estes baldes pra banho, onde acho??

    Comentário by Andressa Sharon — junho 14, 2017 @ 12:42 pm

  2. obrigada!
    são baby tub e ofurô. daqui, ó: http://babytub.com.br/baby_tub/produtos/baby-tub-ofuro/

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2017 @ 1:10 pm

  3. Parabéns p essa linda da Sansa!!! Acompanho vcs desde antes do Benjoca e carrego vcs no meu coração, mesmo sem conhece-los pessoalmente. Tudo de melhor na vida dessa princesa guerreira e de todos vcs.

    Comentário by Franciele — junho 14, 2017 @ 4:00 pm

  4. Familia linda.Deus eh fiel.Parabens.

    Comentário by Veve — junho 28, 2017 @ 5:21 pm

RSS feed for comments on this post.

Leave a comment