desafio: fazer um álbum de fotografias

156023656 (1)

sou a caçula de minha mãe. rola aquela lenda, né, de que caçula quase não tem registro de nada.
bem, foto de infância até que eu tive, mas ficava tudo largado numas caixas de sapato lá na casa da minha mãe. eu achava uma foto da minha mãe grávida, uma minha ao nascer e outra já com seis meses de idade. e olhe lá. Álbum de fotos montadinho, bem, nem pensar.
aí uma vez, quando tinha meus 20 anos, fiz uma viagem de fim de semana. naquela época eu andava numa relação muito turbulenta com minha mãe.
para minha surpresa, enquanto eu estava fora, minha mãe fez um álbum de fotografias para mim, contando minha trajetória de vida desde o meu nascimento até aquela época.
estava tudo lá: foto de mamãe grávida, do parto, foto de alguns aniversários meus. com minhas irmãs, com ela, pai, vó. foi lindo e um presente super especial.
para a minha surpresa, tão logo a constança nasceu, eu estava revirando umas gavetas e encontrei o tal álbum. foi uma delícia revê-lo, especialmente porque encontrei uma semelhança enorme entre constança e eu. não fossem por essas fotos, isso provavelmente passaria batido para mim.

e aí parei para refletir em como a era digital em que temos vivido mudou nossa relação com a fotografia. por um lado temos registro de tudo que acontece e mais um pouco: aniversários nossos e dos amigos, a árvore que floresce perto da nossa casa, um pôr do sol estonteante e até uma comida que achamos apetitosa.
por outro, confiamos tanto no digital que aquela antiga tradição de revelar um filme se perdeu.

há um tempo perdi quase que todas as fotos do primeiro ano de vida do benjamin. eu tinha tudo salvo no hd externo e acabei por deletar da memória do computador. um belo dia meu hd externo deu problema e eu perdi t.o.d.o.s os arquivos lá contidos. para a minha sorte ficaram as fotos do blog e do facebook. de resto, lá se foram várias coisas.
se tivesse revelado, a chance delas sumirem seriam menores.
se tivesse feito um álbum, menores ainda. e ainda teria toda uma história para ser contada em algumas páginas.
sou uma vergonha em relação a isso. tive excelentes fotógrafos no meu casamento, mas nunca fiz um álbum. o mesmo para o primeiro aniversário do benjamin e do parto da constança. cadê, gente?

por isso decidi lançar um desafio. primeiro para mim e segundo para quem quiser entrar nessa comigo, vamos nessa?

36 poses, 36 dias.

antigamente a gente comprava um filme para a máquina e era aquilo ali que a gente tinha. às vezes o filme ficava na máquina e a gente ia tirando uma foto hoje, outra mês que vem e, tempos depois, quando o filme era revelado, era quase uma caixinha de surpresa encontrar fotos de momentos tão diferentes.
como eram poucas poses (comparado com hoje em dia, que a gente tira 30 fotos pra ficar só com uma), escolhíamos momentos especiais e era isso aí.

os filmes costumam ter 12, 24 ou 36 poses. por isso, que tal fazer um álbum que conta a história da sua família em apenas 36 fotos?
o álbum deve ter 36 fotos contendo os seguintes momentos:

  • quando o casal se conheceu
  • casamento ou alguma cerimônia de união, se tiver
  • lua de mel ou alguma viagem especial (ou os dois)
  • da primeira casa
  • foto de quem já se foi (algum parente querido)
  • bicho de estimação, se tiver
  • da gravidez
  • do nascimento
  • dos primeiros momentos do bebê (troca de fralda, banho, papinha, engatinhando, andando, etc)
  • se já tiver filho maior, das primeiras conquistas (andar de bicicleta, troca de dentes, primeiro dia na escola…)
  • foto do pai e da mãe pequenos e algum momento especial da infância deles, para comparar.

36 dias é porque a gente sabe que, com família e filhos, às vezes não sobra tempo para fazer isso, então o ideal é se propor a selecionar pelo menos uma foto por dia.
para não deixar para depois, decidi começar o desafio logo. então hoje é o dia 1. o dia 36, quando apresentarei o álbum a vocês será daqui a 5 semanas.
quem topar entrar no desafio conosco, deverá postar esse desafio no seu blog também, contando uma história especial sobre sua relação com a fotografia e convidando seus leitores a participarem também.
se você topou o desafio 36 poses, 36 dias no seu blog, não deixe de divulgar aqui nos comentários.
lembrando que todas as fotos devem ser impressas. não vale um álbum virtual, hein?
depois, quem quiser, pode tirar fotos da família vendo o álbum de família e compartilhar com a gente.
quem topa?

Barra_Posts_NOVA

Related Posts with Thumbnails

21 comments

  1. Eu tenho um álbum que montei com fotos impressas. É o meu orgulho, minha paixão. Fico toda toda quando recebo visitas e posso tirá-lo de dentro da estante e mostrá-lo aos convidados. E as pessoas sempre falam: "ahhh, queria tanto fazer um para mim, é tão bom ter fotos reveladas!" Gente, é só começar! 🙂

  2. Ai, Luiza, fiquei chocada com a perda dos registros do primeiro ano de vida do seu filho! Acho que ia chorar dias e dias seguidos. Morro de medo disso acontecer e por isso ainda não deletei as fotos e vídeos do computador, mesmo estando com tudo duplicado em um HD externo. Acho que vou comprar um segundo HD e daí consigo finalmente deletar tudo de lá, pq o computador tá mais lento do que tudo por conta da quantidade de memória que esses arquivos ocupam. E tb quero muito me mobilizar pra fazer o tal álbum (desses tipo photobook), mas fico sempre adiando o projeto. Quem sabe quando estiver de licença do segundo filhote?

    Ah, mas tb já sofri umas perdas dessas digitais. Perdi quase todas as fotos de início de namoro com o pai do meu filhote. Troquei de computador e perdi o DVD do backup. :-/ Acho que por isso fui tão cuidadosa com as fotos do pequeno.

    bju

  3. Adorei essa idéia! Tbm não tenho blog, mas vou fazer. Consegui fazer um album somente até os seis meses, porém desde entao só tenho foto digital e olha q minha filha vai fazer 4 anos rsrs. Tbm fiz dois albuns pequenos de gestação e niver de 1 ano, q ficaram ótimos, com o programa digipix que é do FOTOLIVRO, eu achei muito pratico e fica lindo, e o mais importante, registrado. 🙂

  4. Ai que delicia!!!Eu estava super animada para montar o álbum da família,mas meu marido jogou um balde de agua fria em mim, mas agora com esse post me animei de novo.Quando lançar o desafio no blog eu posto aki.^^

  5. Eu, que sou fotógrafa, já tenho um zilhão de fotos da minha pequena – com apenas 2 meses – porém, nenhuma impressa rs. Para fugir um pouco disso, desenterrei a minha lomo e estou mandando ver na fotografia analógica, só espero revelar antes que ela faça 1 ano hehehe
    Gostei demais da sua ideia vou entrar nessa também… na verdade será meu segundo desafio porque, como precisei parar de trabalhar por um tempo, me propuz a fotografá-la todos os dias, por 365 dias!!! É uma forma de me manter ativa e exercitar minha criatividade. Confesso que com um bebê que ainda não senta e passa pouco tempo acordada, sem chorar, estou meio sem criatividade, mas já tenho várias ideias para os próximos meses.
    Se quiser acompanhar: http://drikatrevisan.wordpress.com/
    Bjo
    Drika

  6. E aí Luíza, rolou o álbum?
    Entrei nessa tentativa há meses e até agora consegui montar um. Mas é exatamente como vc cita no post. Demorado para selecionar.
    Estou na curiosidade… rs
    Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *