05 de março

Assaduras

por luíza diener


se tem uma coisa que dói no coração de qualquer pai ou mãe é, na hora de trocar a fralda, deparar-se com um bumbunzinho vermelho.

várias coisas podem ocasionar uma assadura, como por exemplo: calor, umidade, alergia alimentar ou de contato, fungos, bactérias, dentes nascendo (é o que dizem. e o que acontece por aqui), exposição prolongada ao contato com urina e fezes, dentre outros.

mas também há algumas coisas básicas a se fazer para prevenir que elas aconteçam:

  • troque regularmente a fralda do seu bebê, especial e imediatamente após cada cocô;
  • limpe sempre com algodão e água e, em casos de muita fedência sujeira, lave com água e sabão neutro. deixe os lencinhos pra quando for sair (ou nem isso);
  • permita que a pele do bumbum do bebê respire. quando puder, após cada troca, deixe o bumbum ventilar bastante (o máximo de tempo possível) e só recoloque uma fralda limpa depois que a pele já estiver sequinha;
  • use fraldas de boa qualidade, quer sejam descartáveis ou de pano (se forem de pano, atente pra que elas sempre estejam bem limpas, secas e livres de resíduos de sabão ou qualquer outro produto);
  • se não for possível seguir todas as dicas acima (ou se seu bebê é do tipo que assa fácil), não se esqueça de usar uma boa pomada ou creme antiassadura.

assou, e agora?
não se desespere. assaduras são comuns em bebês e crianças que ainda usam fraldas.
por isso tente seguir as orientações abaixo:

  • suspenda os lenços umedecidos e faça a limpeza apenas com água e algodão, ou com somente água (eu sou radical e suspendo o sabão, inclusive);
  • aumente a frequência de troca das fraldas;
  • deixe o bumbum do bebê respirar livremente e, se conseguir, coloque para pegar um solzinho (mas cuidado! apenas o sol até às 10h da manhã e depois das 16h da tarde!);
  • observe se existe a possibilidade das assaduras terem ocorrido em decorrência de algo que o bebê comeu ou mesmo você (se ele ainda mamar no peito);
  • tente usar outra marca de fralda. de repente ele pode ter alergia a alguma específica (fraldas de pano ajudam muito nessas horas);
  • use uma pomada das boas (mas cuidado com as que contêm medicamento! somente um médico pode indicá-las!);
  • atente para ver se a assadura melhora ou piora. se notar que está piorando e o neném está irritado, inapetente e até mesmo com febre, pode ser que seja dente ou algo além. ligue para o pediatra.

claro que muitas outras dicas poderiam entrar aí. essas são apenas algumas básicas para marinheiros de primeira viagem.

bem, quem acompanha o blog há mais tempo sabe que bepantol baby é a única pomada que funciona pro benjoca baby alérgico naqueles momentos críticos. e quem usa bepantol sabe na prática que eu nem preciso escrever muito, porque é um daqueles produtos que fala por si.

mas se você nunca usou, agora você pode receber uma amostra em sua casa.

é só entrar no site www.cegonhasexpress.com.br, preencher o cadastro e solicitar a sua amostra.

por que estão fazendo isso?
ah, deixa eu te contar uma historinha:

a cegonha atrapalhada, em um de seus voos, deixou cair a Bepantol Baby e acabou entregando alguns bebês sem creme antiassadura. o seu veio sem? então peça a sua amostra, ué.

a minha já chegou e já acabou.

peça também a sua clicando aqui!

e ainda tem mais! haverá uma segunda fase desta campanha onde todas as mães que se inscreveram no site poderão dar seu depoimento ao responder à pergunta “por que não posso ficar sem Bepantol® Baby?”.

a dona do depoimento mais criativo irá participar, junto com seu(s) bebê(s), do novo filme da cegonha atrapalhada, sendo que a produção virará filme para TV.
demais, né?

Related Posts with Thumbnails

categorias: Tags:, , , , , , , , , , , , fraldas e trocas, publicidade

assine nosso feed ou receba por email


5 Comments »

  1. que bepantol que nada, o negócio é maisena, maisena e mais maisena, melhor que qualquer remédio, sem contra indicações, muito mais barato e se o bebe coçar a bunda e botar a mão na boca, não tem problema nenhum! rs

    Comentário by carolina — março 5, 2012 @ 2:02 pm

  2. Pena que eu cheguei tarde, afinal, bepantol NUNCA é de mais em casa! =D

    Quero ver seu vídeo! Posta ele pra gente!

    Comentário by Maria Thereza — março 7, 2012 @ 3:10 pm

  3. Não tenho filhos, mas não falta Bepantol aqui em casa. Uso nas axilas (para clarear) e nos lábios (para não racharem)! Um beijão, Bia
    p.s: tem uma pequena homenagem a você lá no meu blog… é mais uma coisa simbólica, em nome do dia da mulher. espero que goste!

    Comentário by Bia — março 8, 2012 @ 9:57 pm

  4. só pra avisar aque aqui em casa, sempre que abro o site, fica como o último post esse aqui das assaduras, só sei que atualizou pq mostra na barrinha lateral no meu blog… mas se eu entrar direto aqui, fica só até aqui.

    Comentário by carolina — março 10, 2012 @ 5:53 pm

  5. Assadura não pode acontecer. Por isso nunca deixe a criança sem trocar fraldas o dia todo.

    Comentário by ketina — setembro 17, 2014 @ 1:00 pm

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment