13 de fevereiro

12 coisas que não se dizem a uma mãe de filho único

por hilan diener

onlychild

sabemos que a patrulha da natalidade alheia não brinca em serviço, então perguntamos no facebook coisas que não se dizem a uma mãe de filho único. o resultado – com as (piores) melhores respostas – você encontra abaixo:

1) sou filho único e parei de pedir por um irmão com uns 6 anos,  mas ouvi muita abobrinha, como “ah, então você só teve vida boa, hein, mimadão, que beleza!”

2) ela tá ficando chata e mimada. não vai dar um irmãozinho? respondi: então, segundo essa teoria, você é filha única?

3) “mas você é bonitinha, precisa ter uma menininha”

4) “você não tem dó dele ser sozinho, não?”

5) “se gostou de ter parto normal, porque parou nele?”

6) “um dia você vai se arrepender, escreve o que eu te digo”

7) “QUEM TEM UM NÃO TEM NENHUM” (ainda tentando entender o significado dessa frase)

8) “tua casa tá calminha demais, arrumadinha demais… tá na hora de fazer mais um bebê pra dar uma bagunçada” valeu, falou! tô de boas assim.

9) “vai ser uma adulta egoísta”

10) “ahhh… viu q dá trabalho, né? por isso q não vai ter outro…”

11) “quando vocês morrerem ela vai ficar sozinha no mundo”

12)”e se ele morrer?” ouvi isso quando tinha só minha filha. detalhe, eu já tinha sofrido um aborto! :0 

ps: ninguém fala “vou te ajudar a pagar a escola, o material escolar e o plano de saúde”, né?

conheça outros posts da série coisas que não se dizem:

e também:

 

 

 

 

 

 

Related Posts with Thumbnails

categorias: coisas que não se dizem

assine nosso feed ou receba por email


8 Comments »

  1. Aaahhhh, os pitacos! O que seria da maternidade sem a gente tirar sarro deles? 😀

    Comentário by Tassiana — fevereiro 13, 2015 @ 2:22 pm

  2. quando me perguntam se vou ter mais um, sempre digo: não adianta ter mais um prá um fazer companhia para o outro, porque eles crescem e cada um vai ter sua vida, e isso não significa que eles serão super amigos…ou então: vou ter dois porque na minha velhice serão dois prá dividir o fardo… daí o tempo passa, a gente fica de idade e ou só um ou nenhum deles cuida…. aquela clássica do egoísmo e do mimo, não concordo… conheço gente cheia de irmãos que até hoje (com mais de 50 anos) é mesquinha; quanto a ser mimado, se eu for uma mãe que mima, fatalmente mimarei os dois não é mesmo? além da questão financeira que pesa muito, tem a questão da gente ter tempo para os filhos… entre outras coisas….

    Comentário by Fabíola — fevereiro 13, 2015 @ 8:32 pm

  3. Gracias. con informacion! Happy Vday!

    Comentário by Tucson — fevereiro 14, 2015 @ 2:47 am

  4. Aah, pois é, sou filha única e é a pior coisa que há. E sobre o número 11?? A mais pura verdade. Pedi pai e depois mãe, e hoje não tenho ninguém no mundo, tirando família do marido, e amigo/parente não é como irmão. Acho o maior egoísmo uma pessoa que pode deixar de ter outro filho…deviam pensar no bem da criança..

    Comentário by The — fevereiro 14, 2015 @ 9:14 pm

  5. Matéria pra deixar pais egoistas que nao querem ter mais de um filho, menos culpados. Sobre o nr 7, tive um menino e quando ele estava com 4anos, tivemos uma menina. Ela faleceu com 7meses. Se não fosse por ele, eu nao estaria aqui hoje. Esse ano tivemos outra menina. Linda! Estamos felizes e qdo eles nao tiverem mais os pais, terão um ou outro.

    Sempre tento abrir os olhos de pais de um filho só. Podem até me achar chata. Mas penso na saúde emocional das crianças.

    Comentário by Mamãe — fevereiro 15, 2015 @ 6:06 pm

  6. Ótimo!

    Um irmão não é garantia nenhuma na vida. Não se sabe como será a relação deles.

    O motivo pra se ter outro filho deve ser simplesmente a vontade dos pais em ter mais filhos….nunca só pra dar um irmaozinho.

    E falar que optar por ter um filho é egoísmo dos pais é simplesmente ridículo.

    Sobre a perde do filho, nada pode ser mais ridículo. Meu irmão faleceu há 7 anos e a minha existência não mudou em nada o fato da minha mãe viver praticamente se rastejando desde então….. Praticamente uma morta-viva!!

    Comentário by Thaís — fevereiro 16, 2015 @ 10:37 pm

  7. Ótimo!
    Um irmão não é garantia nenhuma na vida. Não se sabe como será a relação deles.
    O motivo pra se ter outro filho deve ser simplesmente a vontade dos pais em ter mais filhos….nunca só pra dar um irmaozinho.
    E falar que optar por ter um filho é egoísmo dos pais é simplesmente ridículo.
    Sobre a perde do filho, nada pode ser mais ridículo. Meu irmão faleceu há 7 anos e a minha existência não mudou em nada o fato da minha mãe viver praticamente se rastejando desde então….. Praticamente uma morta-viva!!

    Comentário by Thaís — fevereiro 16, 2015 @ 10:37 pm

  8. Sabe sou mãe solteira de três filhos, e ainda solteira, já ouvi tantas barbaridades, idiotices

    Sugestão de post “o que não se diz a uma grávida do terceiro filho ”

    Comentário by sueli — fevereiro 17, 2015 @ 10:38 pm

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment

*