14 de junho

das coisas que eu sinto falta

por luíza diener

a maternidade é linda, maravilhosa, tchurururu e eu ainda planejo ter mais dois filhos.

mas estaria mentindo se não assumisse que sinto falta:

  • de ir a uma locadora, alugar vários filmes e vê-los no fim de semana, de preferência um na sequência do outro
    hoje em dia, quando consigo ver uma hora seguida é porque ele está dormindo. se estiver acordado, não vejo nem 10 minutos
  • de dormir mais de 5 horas seguidas
    se alguma vez eu consegui esta façanha nos últimos 9 meses, o crédito é do marido, que conseguiu tapear o bebê até ele descobrir que o pai não é a mamãe
  • de passar um dia inteiro na internet vasculhando um milhão de sites e blogs variados
    aí à noite eu tento tirar o atraso e não consigo. já são mais de 80 emails pessoais não lidos. achei uns atrasados de quase 2 meses atrás.
  • de achar roupa limpa no armário
    juro que deve ter roupa suja aqui comemorando quase 1 ano de imundície
  • de abrir a geladeira e ter comida pronta
    mesmo que tivesse, teria que comer correndo em 10 minutos
  • de comer em mais de 10 minutos
    ok. exagero meu. eu consigo tal façanha uma vez ao mês, nos fins de semana, quando estou na casa dosparente.
  • de dormir sem sutiã
    já contei que minhas peita vaza até hoji?
  • de ter a casa limpinha
    ok, dessa vez a culpa é do tov
  • de conseguir arrumar a casa
    isso eu já não consigo há mais de ano, porque a barriga não me tomava tempo, mas energia
  • de conseguir curtir minha casa
    quem aguenta casa suja e bagunçada todo santo dia? o jeito é curtir a casa dos outros
  • de consumir cafeína sem sentir culpa
    não é que eu não beba mais coca cola ou não coma mais chocolate. mas to sempre maneirando. não quero um bebê mais elétrico que o que eu já tenho
  • de fazer sexo
    prontofalei

beijo nas linda

ps: não to conseguindo passar as fotos novas pro pc. então fiquem com esse gif velho:


Related Posts with Thumbnails

categorias: desperate housewife, erros comuns

assine nosso feed ou receba por email


52 Comments »

  1. Ai, ai Lu!!! Quanto nos encontramos vou te dar abraço de meia hora tá? Eu me solidariso e muito com vc. E graças a Deus e ao marido, temos empregada, se não eu estaria surtadona. E sobre o sexo, só fui voltar a vida normal depois que o rafa desmamou-se!!! Bjsss.

    Comentário by Tathy — junho 14, 2011 @ 9:19 am

  2. é o que disse a gineca. veremos

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:07 am

  3. kkkkkkkkk
    Com dois vai ser pior, vc vai ver!! kkkk
    Adorei o post!

    Comentário by Maribel Barreto — junho 14, 2011 @ 9:24 am

  4. SÓCÓRRÓOOOOO

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:07 am

  5. Te entendo tanto, concordo com todos os pontos, sem tirar nada… E adicionaria, ainda, ir ao cinema (sem ser sessão do cinematerna) no domingo e jantar fora…. Amo muito seu blog! Beijos!

    Comentário by Flavia Carvalho — junho 14, 2011 @ 9:27 am

  6. traumatizei do cinematerna desde a última sessão que eu fui. benjamin não me permite mais tal regalia

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:07 am

  7. eu tenho medo de ir agora com o Linus, ele tem 8 meses em completa síndrome de abandono! Eu não consigo mais ficar nem 5 minutos no mercado com ele sem que ele reclame ou chore, quem dirá 2h no cinema escuro sem ter atenção 100%!

    Eu sinto falta de muitas coisas!
    E meu peito vaza ainda, tb!

    Comentário by Carolina — junho 14, 2011 @ 10:13 am

  8. Minha vida sempre foi meio assim, mas agora barriguda, tá EXATAMENTE assim. Quero tanto uma faxineira… Hahahaha
    Beijos Lu :*

    Comentário by Karine — junho 14, 2011 @ 9:31 am

  9. né? o povo diz "aproveita enquanto não nasce" e a gente se pergunta "como??"

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:08 am

  10. Eu tb!! E de encher a cara, prontofalei2!

    Comentário by Lorenna — junho 14, 2011 @ 9:46 am

  11. confesso que as vezes eu encho só um pouquinho, à noite. #maedemerdafeelings

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:08 am

  12. Não, eu tb, mas eu sinto falta de encheeeer a cara, ter amnésia alcoolica e acordar no outro dia 16h de ressaca, hohoho

    Comentário by Lorenna — junho 16, 2011 @ 10:17 am

  13. três? jura?
    depois de ler tudo ainda fiquei com este número na cabeça…
    vem cá, tem coisas aí que uma diarista duas vezes por semana resolve, tem outras que só o tempo –> chama a faxineira e diminui esta lista aí, já me deu toc destas roupitchas sujas (vontade de pagar um avião e ir aí lavar e olha que nem sou monk assim!)
    beijoca

    ah, sexo tem que botar na agenda de prioridades, se não fica sem mesmo

    Comentário by mariana — junho 14, 2011 @ 9:49 am

  14. pior, mari, é que eu surto por causa disso por causa do toc. kkkkkkkkkk

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:09 am

  15. Ri demais de desespero afinal quando o bebê chegar será que dou conta de tudo? ainda trabalho ai meu pai vou ter que fazer listinha e deixar a bebê chorar um pouquinho…kkkk bjinhos e boa sorte!!!

    Comentário by Isa Mara — junho 14, 2011 @ 10:01 am

  16. tem horas que é inevitável: ele vai ter que chorar. kkkkk!

    mas não desespere. este foi um daqueles desabafos que passam depois. ehehehhe

    bj e boa sorte pra vc tb 😉

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:10 am

  17. – de dormir ate a hr q quiser…..Ha 1ano e 8 meses tenho q acordar a hr q Nina decide, pelo menos dorme a noite toda mas hj as 6h15 foi pesado.
    – de ficar sozinha em casa em silencio por 24hrs…….Acho q morreria d saudades mas se sentir solitaria as vezes cai bem!!!
    – fazer xixi sem plateia.
    Amei post.
    Bjs bjs

    Comentário by dea — junho 14, 2011 @ 10:06 am

  18. antes fosse só o xixi que tivesse plateia. kkkkkkkk

    Comentário by luíza diener — junho 14, 2011 @ 10:38 am

  19. Vamos lá… para te animar um pouco (ou não!hahahaha)

    de ir a uma locadora, alugar vários filmes e vê-los no fim de semana, de preferência um na sequência do outro
    – logo conseguirá… assistirá, na seqüência: Mary Poppins, Lillo & Stitch, Cinderella, Branca de Neve, Peter Pan, e muitos outros… basta uma boa gripe de nanico!hahahahaha

    de dormir mais de 5 horas seguidas
    – Quando ele completar 30 anos e se casar, nos 3 anos até ele ter o filho dele, você conseguirá. Até lá serão noites acordando COM ele, acordando porque ele AINDA não chegou, etc…

    de passar um dia inteiro na internet vasculhando um milhão de sites e blogs variados
    – Quando ele tiver uns 13 anos de idade e descobrir a internet (até lá será acessada por um chip na palma da mão!), você vai poder vasculhar o FB dele, o FB da namorada dele, aqueles sites de "ex-mães blogueiras em fase geriátrica, etc… tudo isso, lógico, se ele tiver o chip de mão dele, senão vai ficar usando a TUA mão!hahahaha

    de achar roupa limpa no armário
    – Você tem sorte, tem um filho homem. Se vier a ter uma mulher, quando tiver a oportunidade, finalmente, de manter tuas roupas limpas, as encontrará, NO ARMÁRIO DELA!hahaha

    de abrir a geladeira e ter comida pronta
    – não exagera… tem papainha, vai!

    de comer em mais de 10 minutos
    – logo, quando ele tiver com uns 3 anos, vai torcer é para ele comer em menos de 1 hora!hahahahahaha

    de dormir sem sutiã
    – Aqui eu vou deixar uma dica de mulher vaca… eu vazava MUITOOOOOOOO. Alice mamou até 1 ano e 3 meses (quase 4, na verdade) e eu vazava muitoooooo… até os 11 meses… aí percebi que, quando eu usava sutiã vazava mais! Botei o sutiã noturno pra escanteio (na verdade foi até antes dos 11 meses, eventualmente, mas aos 11 meses aboli o sutiã noturno de vez!), e foi a solução… meus peitos pararam de vazar em menos de 1 semana. Não cairam (até porque sempre tive peito pequeno), nem secou o leite… simplesmente não ficaram sendo estimulados pela pressão do sutiã a noite inteira! Se regularam e eu continuei vaca, mas só quando tinha um bezerro mamando! (Inclusive, melhorou muito o vazamento diurno!)

    de ter a casa limpinha
    – o Tov pode ter uma parcela de culpa, mas, amiga, se está achando a casa bagunçada agora, espere até ele ter idade para escolher o brinquedo com o qual vai brincar… até conseguir ensinar o "guarde o que não vai mais brincar" ele já não estará mais na fase do brincar e aí vai ser o tal do "arruma o teu quarto, não larga copo pela casa"!…

    de conseguir arrumar a casa
    – Arrumar? Eu já desisti… eu vou arrumando daqui e o rabinho vai desarrumando dali… quando chego no final, tudo que arrumei já está desarrumado!rs Hoje consegui limitar a bagunça da casa ao quarto dela e ao escritório da família!hahaha

    de consumir cafeína sem sentir culpa
    Assim que se sentir sem culpa, virá uma nova gravidez e PIMBA, nada de cafeina de novo!hahahahaha

    de fazer sexo
    Quando você conseguir tudo que tem aí em cima pra fazer, conseguirá… na verdade, conseguirá antes, mas sempre com uma antena ligadona porque ele pode acordar e chorar, acordar e chamar, acordar e bater na porta, depois, mais adiante, chegar com os amigos em casa, etc…rs

    Mas a verdade é que sentimos falta dessas coisas, mas já não tem como viver sem nossos pipocos, né? Sentir falta disso tudo é uma das belezas das nossas vidas pós maternidade… a vida não teria a menor graça atualmente se tivéssemos tudo isso de volta, mas sem eles! Como uma onda no mar, nada do que foi, será!rs

    Comentário by Mariana Perri — junho 14, 2011 @ 10:08 am

  20. Poxa vida, por que é que tudo isso que você disse é verdade?!?! srrsrsrsrs

    Comentário by Gleice — junho 14, 2011 @ 10:37 am

  21. Banheiro, xi o que e banheiro rsrsrsrs, vários número 1 já emperraram por conta do pipoco e agora que tá quase andando vixe….

    Comentário by Cacau — junho 15, 2011 @ 7:43 pm

  22. Eu sinto falta de dormir 14 horas! Eu sempre amei dormir, e mesmo quando acordava, ficava na cama curtindo a preguiça. Sinto falta também de poder ir no banheiro de porta fechada, e ficar lá o tempo que eu precisar. De tomar banho demorado, de fazer amor e não precisar ficar cuidando pra não fazer barulho. (bom, isso nós fazemos uma vez a cada século qdo os meus sogros ficam com o Arthur a noite, mas só deixo ele lá dormindo, aí nós saímos pra namorar), sinto falta de ficar a madrugada na internet jogando, de beber até qdo aguentar…De ir visitar zamigos sem ter que levar uma mudança junto, aliás, sinto falta de ver meus amigos =/ E sexo tem que fazer um esforço enorme mesmo pra ter disposição. Bebê dormiu, papai e mamãe saem correndo pro quarto tirando a roupa, se beijando enlouquecidamente e…. Foi! Esse é o verdadeiro "papai e mamãe". Mas tudo passa, até uva passa, e vamos sentir saudades dessa época. Ah, sem tempo pra limpar a casa? Sem grana pra faxineira? Pede praquela amiga te visitar um dia, aí larga o baby no colo dela e dá uma limpada na casa. Bjus!

    Comentário by Tassiana — junho 14, 2011 @ 10:26 am

  23. 14 horas??? kaukauakuakauakuakua
    Quando eu durmo 8h, picadas, dou pulinhos de alegria!hahahahahahaha
    Acho que se eu dormir 14h, meu marido chama o rabecão!hahahaha

    Comentário by mariana — junho 14, 2011 @ 11:41 pm

  24. Oi Luiza! Concordo super com você! Eu só acrescentaria tomar banho demorado e fazer cocô na hora que dá vontade. No mais, concordo com TUDO!Beijo

    Comentário by Gabriela — junho 14, 2011 @ 10:38 am

  25. Oi Lu,
    Mesmo não tendo filhos, vários dos seus itens fazem parte dos meus também.
    Só que comigo é diferente, é faculdade e trabalho, acredito que seja bem mais interessante sentir falta dessas coisas tendo uma coisa lindinha se agarrando nas suas pernas, você pode até acabar esquecendo por alguns minutos, não é?
    Bom final de terça-feira querida,
    Beijão

    Comentário by Fernanda — junho 14, 2011 @ 10:53 am

  26. Acrescentaria um tópico….
    Recentemente descobri que sinto mta falta de utilizar as escadas rolantes dos Shoppings……

    bjuss

    Comentário by Amanda — junho 14, 2011 @ 10:56 am

  27. Guenta a mão aí! Aqui em casa, os problemas de sono (e, consequentemente, de sexo) melhoraram muito quando Emília fez um ano. Falta pouco…

    Comentário by lia — junho 14, 2011 @ 11:27 am

  28. Sinto falta de um bando de coisas… principalmente de limpar minha casa… sem pausas nem por alomoço, agora tenho que arrumar a casa em 5 dias… de poder fazer minhas unhas enquanto assisto tv, de fazer escova nos cabelos…hidratação… apesar que num dia de vacina minha princesa deixou eu fazer as unhas…
    Mais essa é a vida de mãe!!!!
    bjinho

    Comentário by Carol Meoli — junho 14, 2011 @ 12:32 pm

  29. Miabraça??
    Sexo aqui tá lenda, e o meu filhote ainda tem 6 meses.
    E passear no shopping sem levar mudança e sem hora prá voltar?E sair de rolê com as mina prá tomar cerveja e caipirinha? E não fazer nadica o dia inteiro, só assistir TV?E tomar sol no sabadão?E gastar meu rico dinheirinho em cremes e esmaltes?Fazer pé e mão no mesmo dia sem ter ajuda?
    Fé. Féééé, pq viver sem o gorducho e com tudo isso não seria bom de jeito nenhum!
    Bjs

    Comentário by Carol — junho 14, 2011 @ 1:58 pm

  30. Menina, de toda essa lista, muita coisa vc vai recuperar em breve, mas os filmes são o que mais me partem o coração até hoje

    Comentário by Leticia Volponi — junho 14, 2011 @ 2:41 pm

  31. Também sinto falta de tudo isso! A casa consigo curtir limpinha pq temos uma moça todo dia que limpa tudo, cuida das roupas e da comida. Mas todos os outros itens batem aqui tb!
    Ah, e o Batman está morando com meus pais em Porto Alegre até a gente encontrar um apto maior com sacada, ficou muito apertado com cadeira de alimentação, carrinho, brinquedos, tapete de atividades e ninguém tava caminhando com ele…
    Como meu pai é apaixonado pelo Batman e este amor é recíproco, ele se ofereceu pra ser o vô do cachorrinho e a gente aceitou, foi uma boa ajuda sem nos deixar culpados porque o Batman tá bem acostumado a ficar em POA sempre que vamos levamos ele com a gente ficamos lá, então se sente muito em casa.
    Agora meu pai diz que não devolve rs…a gente morre de saudades….já aconteceu do Beto chegar em casa fazendo festa procurando, esqueceu que o Batman não tava mais…a gente quase chorou rs…mas pra ele que tá tendo alguém cuidando como a gente cuidava antes tá melhor.
    O Batman saiu até no jornal do Bairro da minha mãe rs.

    Comentário by Vanessa — junho 14, 2011 @ 2:51 pm

  32. ah, que pena, estou louca pra ver fotos novas, ele deve estar liiiiiiiiindo! e espero que você tenha isso tudo de volta, logo logo! 🙂

    Comentário by Aline — junho 14, 2011 @ 3:43 pm

  33. Oi Luiza!
    Ri muito com seu texto… O Luquinhas tem só 10 semanas e eu tava aqui me enganando e pensando 'daqui há algumas semanas a gente vai ter uma rotina e eu vou conseguir fazer alguma coisa'. Pelo jeito nao, né?
    Tb ODEIO dormir de sutia… tem gente q tem cama com colchao de água e aqui em casa a gente tem colchao de leite. Nunca pensei q ia vazar tanto!!
    Outra coisa q sinto falta é ficar na leseira… sem fazer nada… deitar no sofá, assistir tv, cochilar, ler um livro todo em um dia… sem me preocupar com nada.
    Sinto falta de um monte de coisas, mas td isso desaparece qdo olho pro Lucas… e qdo ele sorri entao? Meu coracao derrete de tanto amor e nada mais importa… Mae é bicho esquisito mesmo!! Feita só de coracao!! rs
    bjs!

    Comentário by Bruna Müller — junho 14, 2011 @ 5:00 pm

  34. O post mais sincero que já li sobre esse assunto! E sem ficar de mimimi.
    Beijos.

    Comentário by Jussara — junho 14, 2011 @ 5:06 pm

  35. Lu, sinto falta de tanta coisa também!!! Mas a maternidade traz tantas outras coisas maravilhosas que a saudade chega e vai logo embora.kkkkkk!

    Bjos!

    Comentário by Ivana — junho 14, 2011 @ 5:35 pm

  36. Ô como sinto falta!!!!
    E, imagina eu, acabando de entrar na faculdade (primeiro semestre) e já com uma bebezinha me esperando em casa,
    Ou seja, sinto falto daquilo que eu nem cheguei a ter, as festas universitárias, as tarde a toa com a turma…. aiai… quem sabe num segundo curso! hehehe

    E o sexo…. ah, o sexo! Esse o meu namorado sente até mais falta que eu, porque me falta tempo para pensar nisso quando tenho taaaantas coisas pendentes para fazer! hehehe

    Mas que a gente sente falta de cuidar da gente, ou então, de NÃO cuidar de ninguém ou de nada… ah, isso a gente sente!

    Beijo! ótimo texto Luíza!

    Comentário by Maria Thereza Pinel — junho 14, 2011 @ 5:48 pm

  37. Oiii Luíza.
    Também quero mais filhos, mas só mais um, hehe. E depois que Davi crescer um pouquinho, ele ainda só tem 5 meses.
    Me solidarizo ao cubo contigo, sinto falta de tudo o que colocaste aí na lista, inclusive do sexo, haha, e de mais um pouco, como jantar fora, ir num show… ô coisa triste.
    Mas a maternidade é isso, ter que abrir mão de algumas coisas, temporariamente, mesmo a gente não querendo.
    Beijão pra ti, pro Benjoca sapeca e um apertãoooo no Tov (amo cachorros e ele é fofo demais).

    Comentário by Alyne Joner — junho 14, 2011 @ 5:51 pm

  38. Luiza! Saudades!
    E eu aqui, na expectativa do Lucas sair do hospital e vir pra casa, doida pra passar por tudo isso e sentir falta tb! Quero muito tudo isso!!
    Beijokas pra vc!
    Ps: amei Benjoca se remexendo no gif!

    Comentário by Mercia Correa — junho 14, 2011 @ 6:07 pm

  39. kkkkk… Adorei! Acho que toda mãe se identificou com a lista! rsrs… E olha que a minha lista ainda continua…kkkkkk… sair a noite com o marido pra jantar, pegar um cinema, ir num barzinho… Me arrumar e me cuidar mais, voltar a fazer um esporte… e por aí vai! rsrs.. Mas tudo isso passa rápido e a gente ainda vai sentir muuuita saudade dessa fase 🙂
    Bjocas

    Comentário by Cegonha Trends — junho 14, 2011 @ 10:55 pm

  40. Sabe o que faltou na tua lista?
    Sinto falta de poder ir ao banheiro na hora que EU tenho vontade!!!! E mais, sem ter que avisar para o marido ou a outra pessoa!!!!

    Comentário by mariana — junho 14, 2011 @ 11:43 pm

  41. Oie…
    Bem que diz o ditado que mae soh muda de endereco e nome, porque parece que todas as maes passam pelo mesmo! Meu bb ainda tem 4 meses e sinto falta bastante dos itens do seu post! Sinto falta eh de poder dormir a noite TODA e dormir ateh tarde, dos meus cabelos NAO caindo tanto, de usar a escada rolante (geralmente levamos o carrinho) no shopping, cochilar a tarde quando tenho vontade (e nao quando soh o bebe quer), de DEVORAR chocolate sem ficar me culpando depois (meu filho sofre de colica… snif!), tantas coisas…
    Mas soh de olha-lo, ve-lo rindo, fazendo bico… me derreto toda e nem me lembro mais das coisas que eu fazia antes…
    obs: desculpa a (NAO) grafia correta e acentuacao… eh que atualmente moro no Japao e meu teclado estah configurado em japones…

    Comentário by Thays — junho 15, 2011 @ 2:27 am

  42. Obrigada pelo seu post mas lamento em dizer que tudo isto só tem a aumentar, somente o sexo que deve tá na sua agenda senão não rola mesmo, mas o resto é fogo, e bate uma impotência no final do dia parecesse que não fizemos nada não é, incrível como o dia termina e parecesse realmente que estamos estacionadas e olha que o gui vai para o bercário. Bjs estamos com você viu.

    Comentário by Cacau — junho 15, 2011 @ 7:49 pm

  43. Ai Lu, por isso q eu sou sua fã. Descreve tudo ao vivo e a cores. Fico pensando em tudo isso q escreveu qdo tiver meu ou minha filho(a). Mas vamos e convenhamos, a vida é muito mais colorida com nossos filhotes!!!! Tudo passa muito rápido, logo, logo vc consegue se ajeitar melhor, e qdo achar q se ajeitou, já terá outro baby na parada! 😉 Beijinhos!! Erika

    Comentário by Prô Erika — junho 15, 2011 @ 10:32 pm

  44. Concordo com você, em número, gênero e grau. Felizmente, tudo melhora conforme as crianças crescem.
    É fato, depois que nossos filhos entram em nossas vidas, nunca mais as coisas serão as mesmas. Se passam o fim de semana na casa da avó, no começo a gente acha ótimo, pensa que vai ter tempo pra fazer um monte de coisas. Mas logo a gente estranha o silêncio, acorda de noite com a impressão que estão te chamando, acha que a casa sem o monte de brinquedos espalhados parece vazia…Vá entender este coração!
    Há um tempo atrás vi na TV uma pessoa (desculpe, não me lembro mais quem era) falando a respeito do livro que escreveu contando sobre sua experiência com a maternidade recente. Ela encerrou a entrevista com uma frase que eu nunca mais esqueci: "Desde que meu filho(a) nasceu eu nunca mais tive uma noite inteira de sono mas também não se passou mais nem um dia em que eu não tivesse sorrido pelo menos uma vez".
    Beijos mil no Benjoca fofucho.

    Comentário by Ana Andréa — junho 16, 2011 @ 12:20 am

  45. olha sinto falta de várias coisas que vc topicou, fato.

    mas o Gui bateu palminhas e deu altos sorrisos quando viu o benjamin hahahahhaahahahahaah fofo demais, o gui e o benjoca

    Comentário by Rebeca Bricio — junho 16, 2011 @ 10:24 am

  46. Sobre voltar a dormir mais de 5 horas seguidas… Antes de tudo é importante saber q é primordial ao bebê dormir bem, para a questão hormonal do desenvolvimento pleno. Sei q muitas vão me criticar. Mas, antes, por favor, dêem uma chance e leiam o livro Nana Nenê, mas, o do Gary Ezzo. Ao menos leiam… Não diz no livro q é para simplesmente deixar o bebê chorar… Fala de rotina, alimentação, amamentação, mimos, manhas e etc… Não sou nenhuma sabe-tudo, nem perfeita, nem nada. Sou uma mãe que se acabou nos 2 primeiros meses, sem dormir mais q 3 horas seguidas (quando muito). Sem descansar pra nada. Tendo q cozinhar, limpar casa, amamentar e cuidar do meu bebê, q é exclusivo, imaginem quem tem múltiplos? Resumindo, meu bebê não descansava bem no início, pq ele se acostumou a estar grudado em mim 24 horas, dormir no meu colo e o q pudesse mais ser feito no colo. Ele tava com um crescimento e um ganho de peso abaixo dos padrões. Eu andava literalmente caindo pela casa. Tive mastite duas vezes, pq meu sistema imunológico baixou, já q ele está totalmente ligado ao nosso descanso. Fora q eu por andar cansada, não tinha a mesma disposição q tenho hoje pra cuidar do meu bebê. Gente, é um conjunto, mamãe e bebê… Por favor, ao menos leiam o livro. Hoje meu bebê tem 9 meses, dorme de 10 a 12 horas por noite e tira duas sonecas de 1 hora a 2 horas por dia. Regularmente. Claro q tem q ter pulso firme. Mas, vale a pena. Vc fica melhor, passa esse ânimo pro bebê, pro marido e o conjunto é bem mais satisfatório. O bebê, só chora mesmo por alguns dias, o meu, não passou de 3 e só chorou a valer mesmo no 1º dia. E enfim, o resultado foi maravilhoso, ele passou a ganhar mais peso e hoje tá mais fofo do q nunca…
    Um beijão!

    Comentário by Dani — junho 16, 2011 @ 6:38 pm

  47. Tô achando que nasci com o sutiã grudado em mim… e não vejo nada perto o dia da abolição!
    kkkkkkkkk

    Comentário by Camila — maio 5, 2012 @ 3:28 pm

  48. faltou o clássico: DE BEBER ATÉ TROCAR AS PERNAS

    Comentário by luíza diener — maio 8, 2012 @ 12:00 am

  49. Lembro muito bem de sentir tudo isso. Hoje, Helena tem 5 anos e meio, e eu vi que foi muito mais rapido do que imaginei. se pudesse voltar atras, eu tentaria curtir mais, ser mais serena, menos apressada com o tempo..
    Beijo no coracao!

    Comentário by Flora Cintra — maio 23, 2012 @ 8:07 pm

  50. Meeeeuuu Deus!! Estou com 10 tipos de medo!! Vou agilizar uma faxineira já! Não quero viver na meleca.. e maridão: se prepare pra ajudar nos deveres domésticos!! Eu vou surtar se for assim TODOS OS DIAS!!

    Comentário by Luh Edgar Occhi Lima — outubro 28, 2013 @ 1:51 pm

  51. ai..ai…ai… tenho uma bebê de sete meses. Tinha lido esse post quando tava grávida e fez todo o sentido, mas agora fez muito mais..tenho tanta saudade…ao invés de outros sentimentos, que achei que teria, um dos mais constantes é esse…saudade!
    De tomar um vinho com o marido…de namorar
    saudade de ir e vir..muita saudade de ir e vir…agora eu até vou, mas tudo mudou!
    Saudade de dormir uma noite inteira, acho que é a maior de todas…

    Comentário by Aline — outubro 28, 2013 @ 2:53 pm

  52. Hahahahaha! Fantástico!
    De todas essas coisas aí, a única coisa que não sinto falta é do sexo, porque eu e meu marido temos isso como algo sagrado… rs
    A nenem sempre dormiu melhor de dia do que de noite, então aproveitamos. Ela já está indo pra 1 ano e 9 meses e se ficamos 2 semanas sem sexo foi porque eu estava menstruada. E qdo a vontade era braba, ia menstruada mesmo, no chuveiro. Todos os cômodos da casa são válidos, mas a sala virou o preferido, por ser mais distante do quarto. Nenem dormiu, partimos pro abraço. E quase sempre conseguimos mais de 2 horas de amor. Foram raras as vezes que a pequena acordou no meio mas aí eu ia lá acalentava, marido ficava esperando, ela dormia denovo e eu voltava pra ação hahahaha!
    Ah, claro que eu fechava os olhos pra bagunça. Muitas vezes durante o love alguém acabava tropeçando num brinquedo, mas sempre foi muito tranquila essa questão para nós.
    Agora as outras coisas todas da sua lista, eu tbm morro de saudade. E acrescentaria visitar exposições e museus, que acho ainda mais complicado do que cinema….
    Restaurante é sempre um caos mas somos persistentes.
    Como está sendo tudo com 2 agora??
    Eu parei em 1 só mesmo…
    Beijos!

    Comentário by Miriam Góes — outubro 29, 2013 @ 10:10 am

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment