29 de maio

superproteção ou supervisão?

por luíza diener

vídeo e texto endossam exatamente o que eu penso sobre desenvolvimento de bebês:

Superproteção ou Supervisão?

A superproteção familiar impede que as crianças conheçam e se aventurem pelo mundo por conta própria. Uma das causas desse zelo excessivo é o medo de expor os filhos em situações de risco. Com isso, pais e familiares passam a acompanhar cada passo desta criança, que fica “presa” em uma redoma de vidro, colocando em risco seu desenvolvimento motor. Este monitoramento exagerado inibe vivências e experiências próprias da idade, relevantes para o crescimento saudável. “Superproteção é diferente de supervisão”, alerta a fisioterapeuta Fernanda Davi, especialista em fisioterapia infantil.

Filhos únicos, bebês prematuros ou adotivos também são fortes candidatos a sofrerem superproteção. Se pensarmos que o número de casais hoje com apenas um filho aumenta a cada dia, a quantidade de crianças que vão andar mais tarde ou se desenvolver de forma lenta também só tende a crescer. Por conta disso, as crianças estão desaprendendo as brincadeiras tradicionais, que até algum tempo atrás eram primordiais no desenvolvimento e na evolução motora.

Segundo Fernanda, além do atraso motor, outras consequências devem ser levadas em consideração, como perda de personalidade, medo de enfrentar situações diferentes, dificuldade de relacionamento com outras crianças, reclusão, falta de iniciativa. “Pequenos gestos já sinalizam a falta de desenvolvimento, como por exemplo, quando a criança tem falta de equilíbrio, tropeça muito, não corre, tem dificuldades em subir degraus, sentar”, explica, ressaltando que “não existe criança preguiçosa, se ela não está querendo brincar alguma coisa está acontecendo com ela”, afirma.

Veja as dicas da fisioterapeuta para ajudar no desenvolvimento da criança e a perceber se tem algo errado com o desenvolvimento motor:

• Recém nascido
Conversar próximo ao rosto para começar a fixar e dar mobilidade a cabeça. A ação também ajuda a desenvolver a visão e audição.

• 2 meses a 3 meses
Os pais devem ficar atentos ao reflexo do bebê. Se a criança não te segue e não se assusta com barulhos, algo está errado.

• 4 meses
Normalmente neste período, o pescoço deve já estar firme e a criança sempre está alerta, dorme menos. É necessário colocar a criança de barriguinha pra baixo para começar a estimulá-la a controlar a cabeça. Brincar de rolar é um bom estímulo nesse período.

• 5 a 6 meses
O ideal é começar a deixar a criança mais sentada para que ela vivencie a postura. Tirar o encosto ajuda na conscientização do corpo.

• 7 a 8 meses
Explorar o meio em que vive, deixar engatinhar e estimular colocando os brinquedos distantes para que vá até eles.

• 9 a 10 meses
Começa o momento em que os pais tem que começar a pensar no andar. O ideal é colocar a criança em pé para que sinta o próprio peso, e assim, crie equilíbrio.

• 1 a 2 anos
Realizar atividades que ajudam no desenvolvimento motor como subir e descer escada, pular obstáculos, correr, dançar, entre outras.

texto: Mayra Barreto


Related Posts with Thumbnails

categorias: Tags:, , , , , , , , desenvolvimento do bb, erros comuns, para bebês

assine nosso feed ou receba por email


6 Comments »

  1. Eu queria acrescentar algo, mas acho que tá tudo dito aí. Concordo plenamente 🙂

    Abraços!

    Comentário by Noris — 29 de maio de 2012 @ 8:55 am

  2. grande noris!

    Comentário by HilanDiener — 29 de maio de 2012 @ 6:12 pm

  3. 'é muito importantí a criança ter essa liberdadí dí poder sair correndo, dí subir uma escada dí dí balançar'.

    hahahaha, que irritantí essa senhora.

    Comentário by iulo — 29 de maio de 2012 @ 8:55 am

  4. acho que é gringa né?

    Comentário by HilanDiener — 29 de maio de 2012 @ 6:12 pm

  5. Superproteção é péssimo, a criança cresce dependente de tudo e de todos, não tem iniciativa pra nada, é muito ruim.

    Supervisão é a melhor coisa, assim você oriente conforme a criança vai crescendo.

    Comentário by Luciana de Castro — 29 de maio de 2012 @ 12:28 pm

  6. Adorei o blog, muito lindo, amei tudo.
    Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui (:

    ontendency.blogspot.com

    Comentário by Bruna — 30 de maio de 2012 @ 2:47 am

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment