07 de novembro

o bater do coração

por luíza diener

um grande marco nas primeiras ecografias de uma gestante é ouvir bater o coração de seu pequeno bebê.
comigo foi assim e lembro-me da emoção que tomou conta de mim quando ouvi o coração do benjamin e também deste novo filho, que mais pareciam o galope de um cavalo.
em ambas as vezes, senti meu coração bater em uníssono com o deles.
ali estava o atestado de suas vidas e a grande alegria da minha.

os primeiros sons que o bebê escuta ainda no ventre são os que vêm da própria mãe: sua respiração, sua voz, seu coração.
essa é a melhor música pra seus pequenos ouvidinhos.

com o benjoca, aproveitei muito a minha gestação para conhecer melhor a mim mesma e para criar um vínculo com este bebê, que para sempre faria parte da minha vida. por isso conversei muito com ele, acariciei muito minha barriga, cantei músicas que até hoje canto.
com este agora, estamos no começo do processo e sei onde dará tudo isso (:

para mim, nunca houve melhor jeito de acalmar meu filhote que trazendo-o para perto de mim. foi assim, sempre juntinho, que aprendi a colocá-lo para dormir.
nas noites em que encontrava-se doente, era perto da gente que ele se acalmava.
até hoje, ao se machucar, é no meu abraço que ele encontra conforto.

há um método utilizado em algumas UTIs neonatais que chama-se mãe canguru.
quando um bebê nasce prematuro e precisa ficar internado, ao invés de passar 24h sozinho no bercinho, ele passa boa parte do tempo no colo da mãe ou do pai.
estudos comprovam que o pele a pele, a amamentação, o ouvir o som da respiração e do bater do coração da mãe contribuem para a melhora dos bebês, ao passo que a falta de contato humano pode agravar seu estado de saúde.
este método leva o nome deste famoso animal marsupial que, por não desenvolver-se completamente dentro do ventre da mãe, termina seu desenvolvimento na parte externa do corpo materno, em uma bolsa chamada marsúpio, onde ele recebe calor e leitinho.

há também a chamada teoria da exterogestação, que defende que um bebê humano também não desenvolve-se completamente dentro do ventre materno, por isso precisa de um certo conforto extra quando sai da barriga da mãe, até que, pelo menos, aprenda a locomover-se sozinho.

teorias e métodos à parte, percebi que o contato com meu filhote é, de longe, o mais eficiente método e que, muitas vezes, continua funcionando até para nós, adultos.
quem nunca encontrou conforto em um abraço bem apertado ou recostou o ouvido para ouvir a batida do coração da pessoa amada?
já tive muitos momentos assim na vida e a sensação foi sempre aquela, de que o mundo poderia acabar naquele momento, que nada mais importaria.

fisiologicamente, o coração por si só é um músculo de movimento involuntário que pulsa e bombeia sangue para o resto do corpo.
mas não é por acaso que ele virou inspiração para tantas canções, o local figurativo onde os sentimentos se encontram e o maior símbolo do amor.

confira também os outros blogs patrocinados pela natura mamãe e bebêcoisa de mãeit mãemãe de gurimamatracamamíferas,mundo ovo e vida de gestante.

Related Posts with Thumbnails

categorias: Tags:, , amor, publicidade

assine nosso feed ou receba por email


5 Comments »

  1. Vivaaaaaaaaaaaaaaaaa!! Torço de longe por essa Familia linda, desejo toda saúde e união do meu condadinho pro de vocês. Ps: vou cruzar os dedos por uma menininha. <3

    Comentário by Flora Cintra — novembro 7, 2012 @ 10:20 am

  2. A maior das emoções…. o coração do bebê …. ainda escondidinho, mas já se fazendo amar. Parabéns.
    BeijoBeijo. Andrea e Lara. http://coisas-da-lara.blogspot.com.br

    Comentário by Andrea Charan — novembro 7, 2012 @ 1:30 pm

  3. Que emoção !!! Realmente ouvir o coração é tuuuuuuuuuuuudo na vida.
    Eu lembro que sai da sala do ultrassom com um sorriso q eu não conseguia controlar….é magico.
    'Ser mãe é viver emoções inexplicaveis…
    Parabéns!
    Bjs
    Elaine

    Comentário by Elaine C. Bueno — novembro 7, 2012 @ 1:32 pm

  4. Lindo post!
    Imagino essa linda emoção, será que um dia conseguirei essa graça, hein!
    Só Deus sabe né!

    Parabéns, muitas felicidades, paz e saúde!

    Mil bjus!

    Comentário by Luigia — novembro 7, 2012 @ 2:31 pm

  5. LINDO LINDO LINDO… Esse momento da batida do coração é, pra mim, e sempre será, o momento mais importante da MINHA vida… pela minha história, era um momento igualmente lindo e terrível…
    Me emocionei com o texto… e, lógico, fiquei toda feliz quando soube que, agora, Benjoca é Big Brother!!!!!

    Comentário by Mariana Perri — novembro 8, 2012 @ 9:50 pm

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment

*