31 de maio

semelhanças entre um cão e um bebê filhotes

por luíza diener

já tem um tempo que o tov deixou de ser totalmente filhote. hoje ele está com mais de um ano e meio, mas lembro como se fosse hoje das dores e delícias de se ter um filhotinho em casa.

e realmente, é como se fosse hoje, porque agora tenho um filhote de ser humano que cada vez mais parece com um cachorrinho, especialmente agora que encachorrinha engatinha.
isso não é ruim, pelo contrário. várias perrengues que passei com o tov, não preciso passar com o benjamin.
a casa já é meio que à prova de cães, então a adaptação do ambiente pro bebê nem é tão drástica assim.

não há como não comparar. por isso resolvi assumir logo e listar as semelhanças entre meus filhotes:

  • ambos babam;
  • ambos mordem;
  • ambos te lambem;
  • eles amam comer nossos sapatos;
  • experimentam tudo com a boca;
  • gostam de virar a lata do lixo;
  • adoram outros filhotes;
  • adoram a companhia de adultos;
  • gostam de meter-se em altas confusões;
  • as coisas dos outros são sempre mais interessantes (especialmente se forem proibidas);
  • gostam de roer, especialmente móveis de madeira;
  • me seguem pela casa por onde eu for (até no banheiro);
  • choram se ficarem muito tempo sozinhos;
  • adoram quando eu lanço um brinquedo para eles buscarem (e trazem de volta com toda a satisfação do mundo);
  • eles gostam do próprio vômito;
  • quando contém fígado, a papinha do benjamin tem o mesmo gosto da ração do tov;
  • são destrambelhados;
  • quando sujinhos têm um fedorzinho gostoso;
  • gostam de se meter embaixo de cadeiras, móveis, dentro de caixas e malas;
  • estão sempre mastigando uma tranqueirinha proibida (e perigosa);
  • adoram passear;
  • têm uma energia inesgotável;
  • não sabem andar de skate (se bem que esse sósia do tov sabe).

e se às vezes eu encho o saco do tov, depois eu vejo esses dois brincando (e se amando) e acho que ele é o melhor presente que eu poderia dar ao benjamin (e versa vice).

Related Posts with Thumbnails

categorias: Tags:, , , , , , benjamin

assine nosso feed ou receba por email


19 Comments »

  1. pé de balé!
    plié, knee, shoulder, shoulder, knee, around and plié! http://www.youtube.com/watch?v=5L1tr0PIx20

    rubbeeer legs!

    Comentário by iulo — 31 de maio de 2011 @ 9:06 am

  2. acho q agora eu animei hein? amei a parte "quando sujinhos têm um fedorzinho gostoso", Luiza gosto demais do q escreve.

    Comentário by Raquel do Juba — 31 de maio de 2011 @ 9:18 am

  3. muito bom! a comparação com meus 2 gatos é idêntica!

    Comentário by thaty — 31 de maio de 2011 @ 9:59 am

  4. kkkkkkkkkkk. o pior é que é tudo verdade…

    beijos

    Comentário by Luciana — 31 de maio de 2011 @ 10:36 am

  5. hahahaha
    Lu não tenho nenhum bicho de estimação, mas se rolasse de ter seria um cão com certeza. Siamarro muito!!! E total acordo com o que escreveu. hahahhahaahhaa eles tem muita coisa em comum hahahahahahahhaha

    beijocas

    Comentário by Rebeca Bricio — 31 de maio de 2011 @ 11:03 am

  6. hahaha, adorei o texto! fofos esses dois juntos.
    beijos

    Comentário by Roberta Lippi — 31 de maio de 2011 @ 11:42 am

  7. vc tem toda razão !!!! tudo haver os dois , eu tb tenho um bulldog frances e um bebe e estou louca com os pêlos do meu cão já não sei mas o q fazer é pêlo por tpodos os cantos da casa . vc tb tem esse problema ???

    Comentário by priscilla — 31 de maio de 2011 @ 11:48 am

  8. Priscilla, eu sinto sua dor. Tenho um bebê de um mês e um bulldog francês que deixa pelos em TODO LUGAR!
    Proibimos que ele entre no quarto do baby e parece que é aonde tem mais pelos!! A minha solução foi pedir para a minha mãe cuidar dele por um tempo… eu estava ficando louca!!

    Comentário by Marina B. — 31 de maio de 2011 @ 3:49 pm

  9. hahaha
    Ameeeei a comparação!
    nunca tinha pensado nisso, mas o Lorenzo e a Malu têm realmente muitas semelhanças…
    E confesso que se soubesse antes que era tão difícil ter um bebê exigente + cão cheio de energia não teria entrado nessa louca viagem!
    Beijos

    Comentário by Daniela — 31 de maio de 2011 @ 3:19 pm

  10. Luísa, se tenho que ser sincera: as semelhanças são extremamente verdadeiras. 😉
    Eu tbm tenho um french b-dog o Theo! (que por enquanto está na casa da minha mãe pq é sem noção e machuraria o bebê com seus pulos e "stunts")
    Parece que todos concordam – Quanto pelo esses cachorrinhos soltam??

    Beijos

    Comentário by Marina B. — 31 de maio de 2011 @ 3:47 pm

  11. Ooowwwnnnnn… Esse foi um dos meus posts favoritos! Adorei!

    Marido despachou nosso cachorro pra casa da minha sogra, muito antes do Gabriel nascer. Como voltamos pro Sul, ele não tem contato nenhum com cães, mas faz uma carinha linda de admiração qdo o cachorro da vizinha late. Tô ansiosa pra ver a reação dele qdo encontrar o Chandler, meu Yorkshire, mês que vem quando formos visitar a família =D

    Comentário by Reinações de Gabezinho — 31 de maio de 2011 @ 9:34 pm

  12. Luiza adorei o post!
    Você tem toda razão!
    É incrível a semelhança entre os bebês e os dogs, né?

    A foto do Ben com o Tov ficou linda demais!!!
    beijos

    Comentário by nanda piovezani — 31 de maio de 2011 @ 10:54 pm

  13. Ufffa! alguém como eu que compara filhote de cachorro com filhote de ser humano. São umas graças, adoram aprontar e eu tenho e me delicio com ambos.

    Beijo

    Comentário by Dani — 31 de maio de 2011 @ 11:31 pm

  14. Como sempre, uma comédia!

    hehehe
    Adorei a comparação!

    A Lara AMA as cadelinhas do papai e os cães da minha casa também, mas com eles não dá para brincar, já que são todos grandes!
    Com certeza, grandes companhias um para o outro!

    Beijo!

    Comentário by Maria Thereza Pinel — 1 de junho de 2011 @ 8:24 am

  15. Sou mais uma que adorou a comparação.
    Fiquei rindo sozinha na frente do PC (#alouca).
    Giulia é apaixonada por cachorros também. Ela esmaga, aperta, puxa, belisca a cachorrinha da minha cunhada… Tanto que a pobre da cadelinha já sai correndo quando vê aquela filhotinha de humanos chegando perto. hehehe
    Por isso ainda não temos nenhum. E digo "ainda" porque eu e maridão somos doidos por cachorros também, mas optamos por esperar um pouquinho, pra ver se ela aprende a ser mais carinhosa… vai que o bicho acha ruim ser amado tão loucamente, né? Mas faz parte dos planos para um futuro meio próximo. Criança crescendo com cachorro em casa é uma delícia (eu e maridão temos essa experiência).
    Bjo

    Comentário by Jemima — 1 de junho de 2011 @ 11:50 am

  16. Oi Luíza,

    Adorei as comparações! Tenho um filhote Lhasa (que também me enche o saco às vezes) e ele é um grude com o bebê. Aliás, sempre lembro do teu post sobre os pêlos, cabelos e etc. que enchem a casa! Eu tenho que passar aspirador todo dia, no mínimo 1 vez, para não nadar em pêlos!

    Beijos, Ananda.
    http://projetodemae.wordpress.com/

    Comentário by nandaetges — 3 de junho de 2011 @ 2:21 am

  17. Olá,

    Amei o post. Bulldog francês é o meu " objeto(pet) de desejo" há muito tempo…
    Meu menino de 6 anos ama cães pequenos ( e meus gatos, que fogem dele de tanto que ele os agarra), tem aflição de cães grandes devido à minha cadelona dobermann estabanada. Meu bebê de 11 meses a adora, apesar de ela só derrubar o coitado no chão com suas lambidas toda vez que consegue entrar em casa (para roubar os brinquedos de morder dele).
    Beijos

    Comentário by Ana Andréa — 5 de junho de 2011 @ 6:03 am

  18. Não podem comparar um cachorro com uma criança.

    O cachorro sempre é leal a você.
    O cachorro nunca te decepciona.
    O cachorro não tenta te matar.
    O cachorro nunca pede brinquedos.
    O cachorro não é uma decepção.

    Comentário by Edimartin Martins — 25 de junho de 2011 @ 6:41 pm

  19. My mate and My hubby and i turned exclusively expressing a exceptionally dilemma, he’s got oftentimes endeavouring so that you could verify each person drastically wrong. Designs experience using this happens to be vivid whilst inside the what normally suggestions I’m. I merely at this point internet based sent my mate my site to indicate her the come across. 1 time neglecting your web website That found himself savings and will also be seeking out it actually is which were identified to educate yourself about to read the paper your the latest!

    Comentário by wholesale italian foods — 22 de setembro de 2011 @ 4:51 pm

RSS feed for comments on this post.
TrackBack URL

Leave a comment