07 de julho

yogases

por luíza diener

eu sei que eu já mencionei aqui o quanto não levo jeito pra yoga (ioga, ióga, iôga, sei lá) pela falta de equilíbrio e por sempre ter crises de riso durante a aula.
e isso não mudou.

mas o fato é que, quase aos 45 minutos do segundo tempo, resolvi entrar pra ioga pra ver se me preparo  melhor pro parto normal, seja através de exercícios físicos ou de respiração.
e aí começa a saga.

foi fácil demais: a aula fica aqui do lado de casa. em 5 minutos chego lá a pé. na mesma hora que falei com a professora ao telefone ela disse: tem uma turma começando agora. você quer vir para fazer uma aula experimental?
demorô, gata!
e lá fui eu, naloka, e só pretendo sair quando estiver pra parir.

mas eu confesso que não consigo levar essa história de ioga muito a sério. começou com o nome do lugar: espaço ventre livre. de repente pensei: meus problemas intestinais estão resolvidos!
mas estavam apenas começando.
aí inicia a aula: até que está fácil. parece alongamento – pensei – e logo meu ventre começa a se libertar: uma repuxadinha aqui, uns ventinhos ali e eu com meus botões: sei que aqui só têm compreensivas grávidas gasosas, mas eu não posso peidar agora. me segurei o máximo que pude, mas teve uma hora que a gente tinha que deitar de barriga pra cima e abraçar as pernas (e antes tinha ficado de quatro, rebolado de um lado para o outro e alongado o ventre até não poder mais) e eu não consegui. a sorte é que fez só aquele barulhinho fiuk e depois passou.
acho que fui aprovada nessa primeira aula.

aí ontem teve mais.
o problema é que ninguém me disse que eu ia voltar a ficar tão aerada quanto estive no começo da gestação. no primeiro trimestre eram gases para que te quero. eu tinha umas cólicas absurdas e minha barriga parecia um tambor. ou um balão.
então já cheguei preparada pra não arrebentar a boca do balão nessa segunda aula.
mais uma vez  me segurei na posição do gato, mas, ao abraçar as pernas o fiuk deu as caras outra vez. ok. a sorte é que antes disso eu já tinha sentido um cheirinho desagradável, provavelmente proveniente de outra gestante um pouco  mais discreta que eu.
com isso imaginei que não teria mais problemas. até que a gente teve que ficar de cócoras e exercitar o períneo.
peralá! cócoras sem peidar já é difícil, mas exercitando o períneo é missão impossível!

se você nunca fez isso, agora é a hora. sabe quando você tenta segurar o xixi? é o mesmo músculo. só que ele também está ligado com o que tenta segurar o cocô.
então contraia bem o períneo como quem quer segurar o xixi e conte até 8. agora relaxe de uma vez, soltando também a respiração. muito bem. outra vez. agora tente isso agachada depois de ficar quase meia hora segurando o punzão que há em você.
foi na segunda expiração que eu expeli tudo de uma vez.
não foi uma coisa estrondosa, mas acho que foi o suficiente pras minhas vizinhas acocoradas ouvirem. uma delas, a professora.

muito bem. reaprovada nas primeiras etapas, era a vez de virar uma árvore igual a essa foto de planodesaúde/segurodevida/condimínioprivado: em pé, firme-se na perna direita e apoie a esquerda na coxajoelhoseilá. inspire e eleve os braços até o alto, onde as palmas das mãos se encontram e os cotovelos ficam levemente flexionados. encontre um ponto fixo e visualize uma árvore.
meu deus. se já tava difícil tudo isso, eu ainda tenho que imaginar uma árvore lá no além. vou tentar.
todas elas estavam super sérias, umas até de olhos fechados, megas centradas e eu lá, imaginando se minha árvore tinha folhas ou não. enquanto isso, é claro que eu desequilibrei várias vezes.
e quando conseguia me manter na posição, a pressão na perna ia só aumentando e o pé inchando até quase parecer um tronco. acabou. ufa! agora muda de perna. ainão!

depois que o mais difícil passou, chegou o momento de relaxar. encontre uma posição confortável. fácil. visualize o seu bebê. moleza. inspire pela sola dos pés e imagine uma luz na sua barriga que se irradia por todo o corpo, ativando os pontos de energia. oi?
céus, onde está o manual dessa aula? não têm umas aulas teóricas antes das práticas não? como é que respira pelo pé? (isso é que eu nem mencionei a hora de respirar pela vagina)? onde ficam meus pontos de energia? de onde vem essa luz dourada, meldels?
enquanto tinha gravidinha lá capotada de sono, eu estava com todas essas caraminholas na cabeça, tentando entender de onde vim e para onde vou.

acabou.
masjá?
é. agora conta prazamigas o que você sentiu nessa viagem espiritual, fala namastê, bebe uma água, come um biscoitinho de gergelim e vai pra casa.

e como ficamos eu, o benjamin, a árvore parda e sem folhas, a luz dourada, a vagina musculosa, o pé respirante e todos os meus ventos interiores?
vão pra casa e resolvam-se entre si.

e toda vez que eu me levanto, tem um escape gasoso por cima ou por baixo.

amanhã tem mais. oh, gosh!

Related Posts with Thumbnails

categorias: Tags:, , , eu gestante, saúde e esportes, um pouco de humor

assine nosso feed ou receba por email


27 Comments

  1. AI MELDELS.
    CHO-REI de rir ( enquanto isso, a pessoa que se encontra no primeiro trimestre solta uns ventos a cada gargalhada).

    sensacional! bom, espero que vc e o períneo se fortalecam (acho que daqui algumas aulas vc inclsuive conseguirá segurar os ventos) ou pelo menos que siga se divertindo nas aulas!

    beijos!

    Comentário by Carol — 7 de julho de 2010 @ 3:46 pm

  2. bom, se nao servir pra nada, pelo menos eu me auto-diverti! ahahahaha!
    espero que o períneo me ajude no autocontrole

    Comentário by luíza diener — 7 de julho de 2010 @ 4:11 pm

  3. Muito bom! Kkkk!
    Eu com certeza morreria de vergonha, mas vc, pelo jeito, apesar dos pesares, conseguiu levar as aulas e os gases na boa!!!

    Bjs

    Comentário by Ana Paula — 7 de julho de 2010 @ 4:04 pm

  4. ainda bem q eu só fiz duas aulas até agora. ahahhahah

    Comentário by luíza diener — 7 de julho de 2010 @ 4:37 pm

  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…ai Luíza, obrigada!!! Vc me fez rir um tanto que eu num ria a tempos. Jesuis!!! Enquanto eu ia lendo eu ia te imaginando fazendo tudo isso, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…#rialto.
    Nossa tenho mó vontade de fazer ioga, acho demais. Tentei uma vez na academia mas foi péssimo, não consegui fazer nada e ria quando me desequilibrava e o professor me olhava com cara feia.
    Mas ó, continua firme e forte ( ou frouxa e forte, não sei, kkkk). Boa sorte!
    beijus

    Comentário by Dani — 7 de julho de 2010 @ 4:05 pm

  6. ahahahahha! to mais pra frouxa mesmo.
    mas ok, períneo me ajudará

    Comentário by luíza diener — 7 de julho de 2010 @ 4:36 pm

  7. Menina, eu até tentei fazer yoga a long time a go….but…… não consigo, me sinto absolutamente ridícula rssss. Boa sorte!!! Bjsssssss

    Comentário by Tathy — 7 de julho de 2010 @ 4:09 pm

  8. somos duas. só rindo mesmo

    Comentário by luíza diener — 7 de julho de 2010 @ 4:36 pm

  9. hahahahaha!!!
    adorei!
    to eu aqui rindo sozinha!
    deudocels!!!!!
    lembrei bem dos meus gases gestacionais…maridex falava que ia tentar um recall, de tanto que era!!!!
    kkkkkkkk
    e eu que faza hidro!? nem fiuk passa desapercebido meu bem, com as bolinhas que sobem e tudo mais!
    mas desista não!
    bjo bjo
    carol

    Comentário by carol garcia — 7 de julho de 2010 @ 4:13 pm

  10. é, na piscina é mais difícil de disfarçar, especialmente se tiver alguém por perto.
    mas qualquer coisa voce começa a se agitar e as bolhas se misturam. ehehehhe

    Comentário by luíza diener — 7 de julho de 2010 @ 4:35 pm

  11. Nossa, estou chorando de rir!!! O que mais gosto do teu blog é a visão divertida desse período tão turbulento!!! Parabéns pelo senso de humor! Assim fica mais fácil viver a vida!!!!

    Comentário by agorasomostres — 7 de julho de 2010 @ 4:50 pm

  12. Oi Luísa! Aqui é Dani….acho que não é minha primeira vez por aqui não…hum…mas agora não sei…
    O fato é que não pude ler esse post e não comentar.
    Menina…..sou igualzinha a você nesse item ioga. Não dou conta de fazer saudação ao sol sem rir. Até achei que eu tinha um problema sério de concentração, porque os alunos de ioga ficam com aquela mega cara de sérios e entendidos no negócio né…
    E obrigada pelo aviso. Agora que eu tô grávida do segundinho, com 9 semanas e super gasosa….vou sair correndo da ioga….mesmo!
    Beijo.
    Outro no Ben.
    Dani

    Comentário by Dani — 7 de julho de 2010 @ 5:18 pm

  13. hahaha Ótimo post para dar risada!
    Eu faço hidro e até que consegui me segurar bem no período gasoso!
    Agora já não tenho taaantos gases como no iníciozinho. Ninguém conta essas coisa pra gente né?
    bjinhos e força no períneo!

    Comentário by Maya — 7 de julho de 2010 @ 5:24 pm

  14. Oi Luisa achei seu blog hje e ja te linkei,sou Luisa,do uruguay,ai quase morro de rir com seus relatos,kkkkk.
    menina eu q ja tenho gases ate demais antes de estar gravida conmunmente sempre to me segurando p/nao peidar,aii ceus,imagino depois q eu engravidar.
    alias,uma amiga ja me disse q eu tenhoooo q peidar,depois de ter o bb,
    qnao segure nao,pq do jeit vergonhosa,timida q eu sou,capaz de querer segurar e dizem q e pior…
    aiaiai…ja vou me preparando!
    vou tentar procurar uns videos no youtube,pra poder segurar os "ventos ruivantes" kkkkkkkkk.
    meu blog: http://filhos-dadiva-de-deus.blogspot.com/
    besos.

    Comentário by Luisa — 7 de julho de 2010 @ 6:28 pm

  15. hauhauhauahhuah eu ri demais!!!!!!! Tb já fiz yoga (sem nem tá grávida) e sei q as posições podem ser super incovenientes uahahua

    Comentário by Maylu — 7 de julho de 2010 @ 6:31 pm

  16. Ahauhaua, definitivamente o post mais engraçado do potencialgestante. hauhauhauha. 🙂

    Comentário by camila — 7 de julho de 2010 @ 6:45 pm

  17. Ahahaha, morri de rir com isso, Lu. Eu estava fazendo ioga lá até mês passado, acredita? Vai te dfazer muito bem, recomendo. E vc terá contato com muitas grávidas legais. Vc está na turma da Carmen, né?
    Beijos

    Comentário by Paloma — 7 de julho de 2010 @ 7:28 pm

  18. Nem me fale desses gases… Faço pilates e passo por situações bem parecidas… kkkkkk… Bjos!!!

    Comentário by Carol — 7 de julho de 2010 @ 9:54 pm

  19. Por que um exercício tão legal tem que ser tão zóing zóing? Gente, quem aguenta essas luzes saindo do plexo solar? Morro de preguiça.
    quanto aos gases, espera o pós-parto. Você vai se queixar com sua médica e ela vai dizer: “É normal, depois do parto a musculatura fica meio relaxada por um tempo.” E aí nem elevador a gente perdoa.

    Comentário by lia — 7 de julho de 2010 @ 9:04 pm

  20. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk rsrsrsrskkkkkkkkkkkkkkkkkkk obrigada estava precisando disto kkkkkkkkkk e olha q não consegui terminar de ler pq o baby está resmungando e o maridão vai acordar cedo então tô indo a luta kkkkkkkkk assim que acordar leio o resto. Bjão.

    Comentário by cacau — 8 de julho de 2010 @ 4:02 am

  21. ahahahhaha MELDELS! Ameeei o post!
    Muito engraçado, Luiza!

    Força no períneo! 😛

    Comentário by Caroline — 8 de julho de 2010 @ 2:45 pm

  22. KKKKKKKKKKKKKKKKK Tô me acabando de rir até agora! Tô louca pro Marido chegar e eu mandar ele ler esse post, pq eu não aguento mais ele tirando onda da minha cara nessa fase tão sem controle! Vive fazendo pressão psicológica nas situações mais delicadas me "lembrando" pra não soltar um naquele momento! huahauaha
    Bom saber que a yoga não nos ajuda muito nessa fase, não tinha intenção de começar agora já no finzinho da grávidez, mas agora eu não quero passar nem na calçada! hehe

    Comentário by Paulinha — 8 de julho de 2010 @ 4:52 pm

  23. QUERO saber se vc voltou? Sabe não tive gases na gravidez acredita lendo seu pot me lembrei e meu intestino era um reloginho ai q saudade. Ps: adoro a forma como vc escreve – tão clara e tão divertida.

    Comentário by Cacau — 8 de julho de 2010 @ 8:31 pm

  24. Nossa, na minha gravidez o pior não era o pum, mas o cheiro horroroso inexplicável! E o pior é que eu não conseguia segurar!
    Coitado do meu marido! Passei muita vergonha rssss….

    Comentário by Carolina G. — 9 de julho de 2010 @ 5:21 am

  25. Hahahaha… adorei!!! Confesso que uma amiga queria que eu fizesse yoga também, mas tenho o mesmo ataque de risos que você, é muita piração!!!!

    Comentário by Avassaladora — 9 de julho de 2010 @ 4:44 pm

  26. Morri de rir. Você escreve muito bem, minha garota.
    Beijinhos da Mamy
    Daisy

    Comentário by Daisy — 10 de julho de 2010 @ 12:23 am

  27. Nossa! Na hora deve ter sido complicado…
    Mas te confesso que morri de rir lendo isso!
    Bjo

    Comentário by Rejane Silva — 9 de julho de 2010 @ 10:48 pm

RSS feed for comments on this post.

Sorry, the comment form is closed at this time.