conheça a nossa história

prepare-se para uma história cheia de reviravoltas e plot twists!

a primeira temporada do potencial gestante teve início em março de 2009. eu estava prestes a completar 24 anos. era casada, estava desempregada, passava o dia inteiro bela, recatada e dentro do meu próprio lar quando me surgiu a ideia: quero escrever um blog sobre maternidade! mas, na época, nem filhos eu tinha, nem grávida estava. não estava, mas queria. então, aquele poderia até não ser um blog sobre gestantes, mas sobre o meu potencial de um dia me tornar uma. o potencial era tamanho, que engravidei não uma, mas três vezes!

em agosto de 2010, nasceu o primeiro rebento: benjamin, um menino muito peculiar, cheio de energia, artístico até dizer chega e cheio de ótimas sacadas.

2 anos e 8 meses depois, veio constança. nasceu em casa, no dia dos namorados de 2013 e sempre carregou consigo esse amor e carinho constantes, junto com uma alegria enorme que já se via em seu sorriso e olhinhos brilhantes desde os primeiros meses de sua existência.

mais 2 anos e 8 meses se passaram e, em março de 2016, chegou guadalupe. a loba do rio. nas águas de março, fechando o verão. veio numa fase muito diferente da família, cheia de plenitude, com muito mais força e mais amor. é feliz, curiosa, geniosa, decidida. aliás, todos aqui em casa são todos um pouco assim: intensos, dramáticos, divertidos, apaixonados, apaixonantes.

isso sem falar nos cachorros: tov, um buldogue francês muito serelepe, que nasceu em novembro de 2009 e chegou em casa em janeiro de 2010. já bagaceira (ou simplesmente bagaça), uma clássica vira lata caramelo, foi adotada no comecinho de 2017. um belo dia, os dois deram uma escapadela e, no final de 2017. acabaram tendo 6 filhotinhos muito fofos: marshall, rubble, rocky, chase, zuma e skye. todos foram doados mas, claro, ficamos o pretinho mais doce de todos, o rubbletambém conhecido por lobous, porque ninguém pronuncia esse nome direito.

mas, como a vida não é um conto de fadas, nem um comercial de margarina, em 2019, na décima temporada da série, o casal diener se separou e eu deixei de ser luíza diener para voltar a ser luíza ribeiro. foi um ano muito diferente para todos. cada um sentiu e reagiu a esse término de uma maneira diferente. mas, assim como a natureza se recupera depois de uma queimada e volta ainda mais bela e exuberante, renascemos ainda mais fortes e unidos. eu me entendi como mãe solo e esse foi um processo tão dolorido que pouco escrevi a respeito. 2019 e 2020 foram anos de silêncio, recolhimento e autopreservação. mas também de muitas alegrias e renovações.

em 2020 ganhei dois novos filhos peludos, de 4 patas, com olhos e ouvidos atentos e rabinhos sempre a balançar. dilma, nossa presidenta vira-lata, conquistou o meu coração junto com o seu pai, victor, que, além de me fazer acreditar novamente no amor e na felicidade, também me presenteou com o meu mais novo bebê, chino moreno, um pitbull virado no jiraiya que sataniza a casa inteira e me faz suspirar de fofura todo santo dia.

mas o presente mais incrível que veio junto com vitão (podem chamar ele assim. ele vai amar!) foi um lindo humano de cabelos enroladinhos chamado bernardo. nasceu em maio de 2012, mas só o conheci em agosto de 2019. bernardo me fez virar algo que eu jamais imaginei que pudesse me tornar: uma madrasta. das babonas, por sinal. e eu só tenho a agradecer por esse menino tão doce, inteligente, divertidíssimo, amado e dono do sorriso simultaneamente mais fofo e engraçado que eu já vi.

em novembro de 2020, victor e eu decidimos juntar as escovas de dentes, os panos de bunda, os cachorros e os filho tudo. então mudamos para uma nova casa, a fim de escrever uma nova história. uma semana depois, nosso amado tov faleceu, encerrando mais um ciclo em nossas vidas.

e, se você leu até aqui e me acompanha até aqui, fica uma pequena lição: a vida acontece hoje. agora. as coisas começam e terminam e começam novamente, num ciclo sem fim. agarre-se a ela. viva-a intensamente! não tenha medo de ser feliz. não tenha medo dos recomeços, muito menos nos términos. apenas viva bem, em paz com as suas escolhas, um dia de cada vez. 🙂

39 pensou em “conheça a nossa história

  1. OI Luíza! Obrigada pelo comentário lá no blog (Mãe-Solteira Recém-Casada). Fico tão satisfeita quando recebo comentários solidários às minhas idéias… bom saber que não estou só neste mundo feminino. Sempre sempre passo por aqui e fiquei muito feliz com a notícia da gravidez. Só nunca tinha vindo aqui ver a carinha de vcs. Casal lindo! O(a) filho(a) vai ser mara!

  2. Opa, precisa atualizar! O menino lindo já tem nome 🙂
    Estamos sempre aqui, por indicação da "vovó" materna. Muito legal o blog!
    Abração,

    Sérgio (e Camila) — também da IPP, também grávidos…

  3. Luiza,
    fiquei muito contente com o comentário que vc deixou lá no blog.
    estou apaixonada pelo seu…superhiperbatuta!
    vocês são lindos, o Benjamin (lindo nome) vai ser lindo e muito cool tenho certeza!
    muita sorte e saúde.
    beijos
    D.

  4. Olá!!!
    Estou grávida de 18 semanas e minha irmã sempre acompanha o seu blog, mesmo não sendo mãe!
    Ela até já entrou em contato com vc a respeito de obstetras aqui em Brasília (lembra?rs)
    Também estou mantendo um blog, mas tem pouco tempo que iniciei. http://www.falandodevoce.wordpress.com
    Eu passei por uns momentos bem difíceis nos 4 primeiros meses e não pude me dedicar.
    Mas vamo que vamo!
    Gosto demais de acompanhar o blog pa me esclarece muita coisa!
    Beijo grande,
    Giany

  5. Oi Luíza!!!
    Gosto muuuuuito do blog, leio sempre e me divirto muito com os posts!
    Existem algumas coincidências entre nós, tenho a mesma idade que vc, o meu marido a mesma idade do Hilan, a diferença é que o meu bulldog francês Dominic está com uma amiga minha e o meu baby Luiz Otavio nasce em setembro !!!
    Parabéns pela ousadia e criatividade, sou sua fã, aliás mais para irmã-gêmea separada no nascimento !!!
    Beijocas

  6. OLa Luiza!!Quero parabeniza-los por esse site MARAVILHOSO!!serioo…desde q engravidei procurava um site legal onde pudesse me informar melhor sobre gravidez e tals, pq estava meio assustada com tdos os acontecimentos envolvidos!!haha e do nada achei seu blog e super ameiii!!Desde entao vejo ele tdos os dias e super me ajuda em tdoooo…hoje tenho o Joao Caetano que é lindo, ele esta com 2 meses.
    Inclusive hoje sonhei com vcs…hahaha sonhei que fui visita-los…hahaha…bomm, tdo de maravilhoso pra vc e pra sua familia, que Deus os abençoe e continue a nos ajudar com suas informações maravilhosas!!beijo grandee
    pamela

  7. Muuuuuito bacana o blog de vcs! (tive que escrever como uma adolescente para expressar minha satisfação!)
    Tenho uma bebê de quase 4 meses e me identifiquei demais com os posts super divertidos que vcs escrevem.
    Descobri o blog hj e passei a tarde inteira correndo para o computador a cada soneca para ler mais um pouquinho. Estou viciada! : )
    Bjs!

  8. Luíza, adorei seu blog. Vou voltar mais vezes. As frases do último post são muito verdadeiras – quem é que nunca pensou assim?

    Eu também sou mãe. Moro em Londres há oito anos e conto as minhas experiências no blog Mãe a Mil (www.maeamil.wordpress.com).

    Um abraço,
    Cecília

  9. Por acaso descobri o blog de vocês. É incrível a necessidade que temos de espalhar para os quatro cantos do mundo a nossa felicidade com os pequenos "oompa Loompas", eu fiz o mesmo. rs
    Achei tudo aqui fantástico, lindo mesmo. Já estou seguindo.
    Boa sorte com a nova integrante, sou pai de menina e elas são surpreendentes.

  10. Luiza; Sou Sara Cobra Cosenza, doula e psicóloga em Taubaté – Interior de SP.
    Que linda e especial vc é.
    Seu relato de parto me tocou de uma forma que eu ainda não havia conhecido.
    Parabéns por sua energia, sua força, sua linda família.
    … Inspiração … admiração
    OBRIGADA. <3

  11. olá, conheci seu blog assintindo um video postado em seu blog e indicado em minha linha do tempo do facebook. Muito bacana o espaço: sincero e inspirador. Acabo de criar um blog tambem (amador ainda..rsrs), que o intuito de compartilhar a experiencia do "maternar" (www.retratodomeueu.wordpress.com) , depois que tive minha jóia "lucas". Prazer em conhece-los. muita saude e paz. Samanta taube

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo